Trabalhador não deve assumir o risco do empresário, diz procurador-geral